04 dezembro 2006

O fim do mistério



Durante séculos especulou-se porque razão os violinos fabricados por Stradivarius emanavam um som tão distinto e especial.

Entre as várias hipóteses avançadas constava o esmalte utilizado no seu fabrico e a menor intensidade da luz solar dos séculos XVII e XVIII, que alterava a densidade da madeira.

Novos estudos da Universidade do Texas, que aproveitaram lascas provenientes de cinco violinos que foram colocados a restaurar, vêm agora revelar que o segredo afinal está na química. Uma combinação de oxidação e hidrólise foi utilizada na madeira de modo a gerar as características únicas do seu som. Um método revolucionário e que permitiu a Stradivarius distinguir-se dos restantes fabricantes de violinos da época.

0 bitaite(s):

Enviar um comentário