06 agosto 2006

A Reuters...

...distribuiu uma foto manipulada de Beirute em chamas como sendo verdadeira:



A compra de imagens a fotógrafos freelancer tem a vantagem de baixar os encargos das agências, mas se for utilizada sem reservas, pode por em perigo a integridade da informação.

Para quem trabalha com o Photoshop é óbvia a utilização na foto da ferramenta de clone, porque gera padrões repetitivos que têm também de ser retocados. Neste caso o fotógrafo nem se deu a esse esforço:



Além do fumo, alguns prédios também foram duplicados...



O objectivo parece ter sido tornar mais dramática uma imagem de guerra com vista a vendê-la. Mas quando uma agência conceituada como a Reuters começa a divulgar como verdadeiras fotos tão evidentemente alteradas é motivo de preocupação. E de expeculação: Será este um caso isolado?

Actualização: Entretanto, e depois de muitos protestos, a Reuters retirou a fotografia substituindo-a por uma outra, aparentemente inalterada:



[LINK]

Reutuers distributed doctored Beirut photo.

0 bitaite(s):

Enviar um comentário