29 dezembro 2004

As amigas do mo�


Hoje tive o primeiro jantar com as mo�as que trabalham com o meu mo�o. Nos �ltimos anos, sempre que o meu mo�o muda de emprego � inevit�vel, mais tarde ou mais cedo, ser confrontado com um jantar em nossa casa com os colegas de "maior confian�a".
Eu como sou o oposto e detesto misturar trabalho com vida pessoal l� fa�o o jeito, meio a contra-gosto. O plano � sempre estar o mais ocupado poss�vel para n�o ficar sozinho com quem n�o conhe�o e acontecerem aqueles sil�ncios inc�modos. S� que desta vez as coisas foram muito diferentes. Tr�s gajas aos berros � porta foi a sauda��o que vislumbrei e ouvi (o B�ris tamb�m e correu directo para debaixo da cama). Finalmente ganhei coragem, respirei fundo e fui cumpriment�-las. Uma j� conhecia e era super simp�tica, e as outras tamb�m iam pelo mesmo caminho. O jantar decorreu sob o tema da empresa onde todos trabalham. Para mim foi um bocadinho seca essa parte porque n�o estava dentro do esp�rito "corporativo". Quando a conversa virou para sexo e quem era "bom" e "muito bom" ent�o as coisas animaram. Munido de uma revista com as 100 estrelas mais sexy de sempre o meu mo�o p�s, inteligentemente, em marcha uma aprecia��o detalhada por parte das meninas de quem aparecia na dita lista. O divertido � que n�o havia grande distin��o entre homens e mulheres e para elas, desde que tivesse estilo ou fosse realmente jeitoso(a), marchava (s� para ficar registado, Johnny Depp (& esposa) foi o grande vencedor, seguido de perto por Angelina Jolie)... A partir da� as coisas rolaram muito mais suavemente e as conversas sobre o trabalho descambaram, agradavelmente, para o baixo n�vel.
No final, ap�s uns valentes copos, o ser�o terminou. Ficou para mim a confirma��o de que, afinal, alguns jantares destes podem at� ser uma surpresa e que as gajas que trabalham com o meu mo�o s�o completamente maradas. Adorei e voltem sempre.

0 bitaite(s):

Enviar um comentário